Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f

DISCIPLINA: Estratégias de Produção e Mercado para a Construção

Área de Concentração: Construção Civil 
Professor: Maria Carolina Gomes de Oliveira Brandstetter
Obrigatória: Não 
Carga Horária: 64hs. 
Créditos: 4 

Ementa:
Planejamento Estratégico. Estratégias funcionais de produção e mercado. Noções de produtividade e sistemas de produção. Medições de desempenho – indicadores e perdas. Ferramentas tradicionais do controle da qualidade. Análise do mercado e comportamento do consumidor para a construção. As principais relações empresa-clientes do mercado da construção.

Bibliografia:
1. CASAROTTO FILHO, N. Projeto de negócio. São Paulo: Atlas, 2002.

2. CONTADOR, J. C. Gestão de operações. São Paulo: Edgard Blucher, 1997.
3. DELLARETTI FILHO, O. As sete ferramentas do planejamento da qualidade. Belo Horizonte: Fundação Christiano Ottoni, UFMG, 1996.
4. DEMING, W. E. A nova economia para a indústria, o governo e a educação. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1997.
5. FORMOSO, C. T., INO, A. Inovação, gestão da qualidade e produtividade e disseminação do conhecimento na construção habitacional. Porto Alegre: Coletânea Habitare, Volume 2, 2003.
6. GARVIN, D. Gerenciando a qualidade: a visão estratégica e competitiva. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2002.
7. HUTT, M. D., SPETH, T. W. B2B: Gestão de marketing em mercados industriais e organizacionais. Porto Alegre: Bookman, 2002.
8. ISHIKAWA, Kaoru. Controle de qualidade total: à maneira japonesa. 6ª ed. Rio de Janeiro: Ed. Campus, 1993.
9. JONES, Daniel T, WOMACK, James P. A mentalidade enxuta nas empresas Lean Thinking. São Paulo, Campus, 2004.
10. KOPITTKE, B. H., CASAROTTO FILHO, N. Análise de investimentos. São Paulo: Atlas, 2000.
11. KOTLER, P. Administração de marketing. São Paulo: Prentice Hall, 2000.
12. LIKER, Jeffrey K. O modelo Toyota de Produção: A empresa que criou a produção enxuta. Editora: Bookman. Páginas: 530. Publicação: 2005. 1ª Edição.
13. MIGUEL, P. A. Cauchik. Qualidade: enfoque e ferramentas. São Paulo: Editora ArtLiber, 2001.
14. MOREIRA, D. A. Administração da produção e operações. São Paulo: Pioneira, 2002.
15. OLIVEIRA, Djalma Pinho Rebouças. Planejamento estratégico. São Paulo: Atlas, 2004
16. OLIVEIRA, Mirian et al. Sistema de Indicadores. Cadernos da série construção Civil, vol. 3 SEBRAE, Porto Alegre, RS, 1995.
17. PALADINI, E. P. Avaliação estratégica da qualidade. São Paulo: Atlas, 2002.
18. PALADINI, E. P. Gestão da qualidade: teoria e prática. São Paulo: Atlas, 2004.
19. PALADINI, E. P. et al. Gestão da Qualidade – Teoria e Casos. São Paulo: Campus, 2005.
20. PORTER, M. Estratégia Competitiva, Rio de Janeiro: Campus, 1986.
21. SAURIN, T. A., FORMOSO, C. T. Planejamento de canteiros de obra e gestão de processos. Porto Alegre: Recomendações Técnicas Habitare, Vol 3, 2006.
22. SHINGO, S. O sistema Toyota de produção do ponto de vista da engenharia de produção. Porto Alegre, Brasil, Bookman, 1996.
23. SLACK, N. Administração da produção. São Paulo: Atlas, 2002. 
24. Revista “Construção”, Editora PINI.

25. Revista “Téchne”, Editora PINI.
26. Boletins Técnicos, Escola Politécnica da USP.
27. Anais dos eventos ENTAC, SIBRAGEC, ENEGEP.
 
Listar Todas Voltar